Quarta-feira, 29 de Maio de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Quarta-feira, 29 de Maio de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Chapada Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2023, 08:24 - A | A

Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2023, 08h:24 - A | A

portão do inferno

Geólogo diz que deslizamentos de terra tendem a piorar e faz alerta às autoridades; veja vídeo

Da Redação

O professor de geologia da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), Caiubi Kuhn, em entrevista ao Alô Chapada, nesta quarta-feira (13), disse que a possibilidade de deslizamento de terra no Portão do Inferno  aumenta durante o período de chuvas e que é preciso tomar cuidado. "Provavelmente depois do início do período de chuva, há o aumento do risco de queda. É preciso o motorista se atentar principalmente na época de chuva intensa porque existe uma possibilidade muito maior desses blocos se soltarem. Locais que possuem a coloração mais proximas do vermelho são locais que os blocos já se desprenderam. Uma queda de bloco recente é o indício de que pode ter quedas maiores”, disse.

Caiubi disse ainda que é urgente que autoridades tomem providências, como uma comissão permanente de acompanhamento do local. Veja entrevista na íntegra no final da matéria.

Conforme registrado pelo site, na tarde de segunda-feira (11), a região do Portão do Inferno, na MT-251, registrou dois deslizamentos de terra em menos de 24 horas. , motoristas que passavam no local gravaram parte das rochas caídas na pista. À noite,  policiais foram acionados para atuar na limpeza e na liberação da via, que tinha sido bloqueada por outro deslizamento.

No deslizamento registrado durante a tarde, não houve carros atingidos e nem pessoas feridas. Uma equipe da Prefeitura de Chapada dos Guimarães fez a limpeza da pista e a rodovia foi liberada 16h30.

AUTORIDADES EM ALERTA

A Secretária Adjunta de Obras Rodoviárias da Secretaria de Infraestrutura (Sinfra-MT), Nivea Calzolari, alertou os motoristas que trafegam pela região, pedindo para que observem bem a localidade, se atentando principalmente à velocidade e que redobrem o cuidado em dias de chuva.

O prefeito de Chapada dos Guimarães, Osmar Froner de Mello (MDB), disse que entende que a faixa de domínio é de uso comum da população e solicita junto ao ICMBio a liberação de uma medida judicial para garantir que o estado cuide da rodovia e permita que o trânsito flua de forma segura e contínua.

PERIGO CONSTANTE

Em novembro, um relatório divulgado e feito por uma empresa de consultoria especializada apontou rachaduras e quedas de rochas recentes na MT-251.

O local abrange o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães que é administrado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). O estudo precisa ser analisado pelo instituto já que nenhuma alteração pode ser feita no local sem autorização.

 

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

VÍDEO

Comente esta notícia