Segunda-feira, 17 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Segunda-feira, 17 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Fechou na Neblina Terça-feira, 15 de Agosto de 2023, 07:15 - A | A

Terça-feira, 15 de Agosto de 2023, 07h:15 - A | A

ELEIÇÃO DA AMM

Presidente da AMM e candidato à reeleição, Neurilan faz balanço das conquistas e fala das pretensões para a nova gestão

Eleição acontece no dia dois de outubro em Cuiabá e envolverá 130 prefeitos mato-grossenses

Da Redação

Balanço dos serviços prestados e a proposta da chapa “União: Municípios Fortes”. Este foi o assunto da entrevista de Neurilan Fraga, presidente da Associação Mato-grossense dos Municípios (AMM) e candidato à reeleição, realizada na manhã desta segunda-feira (14), no programa “A Notícia de Frente”, da TV Vila Real. O candidato foi entrevistado pelos jornalistas Daniel Pentengill, Luciana Gaglivia e pelo apresentador, professor e doutor em Filosofia Aroldo Arruda.

Ele conta que assumiu a gestão em 2015, quando a AMM era uma entidade representativa, mas de poucas entregas para os municípios. “Tanto que só havia cerca de 60 prefeituras associadas. Com o nosso trabalho, uma coordenação de projetos ativa, jurídico eficiente e os demais setores trabalhando diariamente para as prefeituras, aumentamos para 130 o número de prefeituras associadas, ou seja, 70 a mais que em 2015.Isso é uma das coisas que me incentiva a concorrer novamente”, disse o presidente.

A eleição acontece no dia 02 de outubro e Fraga destaca que ninguém faz nada sozinho, principalmente, participar de uma eleição. “Eu represento um grupo de prefeitos satisfeitos com o que conquistamos na AMM. Resultados que levaram mais recursos para os municípios, gerando, ao mesmo tempo, mais economia aos cofres municipais”, explica o candidato.

Com todo o investimento feito nos últimos oito anos, a AMM se tornou uma das instituições mais modernas do Brasil. Neurilan Fraga enfatiza que entre suas bandeiras estão os serviços prestados pela instituição para as prefeituras. “Tivemos muitos avanços. O da Lei Kandir, no período entre 2015 a 2022, quando somou um montante no valor R$ 462.273.242,0 está entre eles. Mais que economia, também contribuiu para diminuir os gastos dos municípios associados”.

Neurilan ainda pontuou sobre os projetos que a instituição tem desenvolvido e a representatividade nacional da instituição. Questionado sobre o Banco Digital, o candidato destaca que o projeto é muito importante e que armazenará os dados socioeconômicos dos municípios. Com a informatização do Sistema fica cada vez mais fácil para os prefeitos na hora de tomar as decisões.

* Com informação Dialum Assessoria de Imprensa & Comunicação Estratégica

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia