Quarta-feira, 29 de Maio de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Quarta-feira, 29 de Maio de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Opinião Quarta-feira, 30 de Agosto de 2023, 10:59 - A | A

Quarta-feira, 30 de Agosto de 2023, 10h:59 - A | A

CAROL BISPO

Você tem cara de boazinha!

Sabe o motivo?

Carol Bispo

Você já ouviu que tem “cara de boazinha? Sabe o motivo disso acontecer? Pode parecer clichê, mas a neurociência explica. Há anos neurocientistas estudam as reações cerebrais ao enxergar linhas e formas. A mesma premissa vale para a beleza! É como se a nossa imagem transmitisse uma mensagem. Por exemplo, se você tem cara de 'boazinha' provavelmente se identificará com rostos que esbanjam linhas arredondadas ou finas que remetem à delicadeza e ao temperamento melancólico ou mesmo outros temperamentos fortes que se revestem dessas características.

Mas você sabe quanto tempo tem antes de que o cérebro forme um pré-julgamento sobre sua imagem? Apenas três segundos! E o seu rosto pode ser responsável por até 70% da sua comunicação não verbal. É por isso que a primeira impressão é a que fica!

O visagismo, ao usar as linhas e formas a favor das necessidades individuais, te ajuda a comunicar melhor a mensagem que você quer transmitir. Elementos como roupas, postura, corte e cor de cabelo podem fazer toda a diferença na hora de dizer ao outro, sem sequer dizer uma palavra.

A imagem de 'boazinha' pode atravancar uma promoção no trabalho, por exemplo. Além disso, levará os outros a lhe subestimarem, pensando que se trata de uma pessoa passiva, indecisa e incapaz de tomar decisões firmes. Nos relacionamentos afetivos, pode levar o outro a explorar essa 'bondade' e até mesmo desconsiderar os desejos da pessoa 'delicada', o que pode levar a sérios problemas na autoestima.

No caso das 'boazinhas', que muitas vezes são prejudicadas ou mal julgadas por supostamente não terem uma personalidade forte, uma das possibilidades é o uso de linhas de força no visual, como a horizontal, a vertical e inclinada. Com o auxílio do visagismo é possível se 'livrar' da imagem infantilizada e comunicar intencionalmente o que se deseja transmitir.

É importante lembrar que na imagem tudo se comunica por isso seja intencional! Costumo dizer que é melhor ter uma imagem intencionalmente adequada e encontrar as portas abertas, do que manter uma imagem inadequada e mesmo tendo todo potencial, ter que provar o tempo todo que é capaz de se impor.

Com esse propósito, o profissional visagista entra em ação, como um arquiteto da beleza, personalizando a imagem do indivíduo de acordo com a intenção pessoal e o estilo de vida.

*CAROL BISPO é visagista, especialista em cabelos crespos e cacheados, acadêmica de Psicologia e idealizadora do método Cabelo do Dia Seguinte. Instagram: @carolbispo_visagista.

 

O Alô Chapada não se responsabiliza pelas opiniões emitidas neste espaço, que é de livre manifestação

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia