Segunda-feira, 15 de Julho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Segunda-feira, 15 de Julho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Fechou na Neblina Domingo, 23 de Julho de 2023, 12:52 - A | A

Domingo, 23 de Julho de 2023, 12h:52 - A | A

PELA ATUAÇÃO

Taques diz que sistema político se vingou de membros do judiciário

Ex-governador relata que membros do Poder Judiciário, que agiram contra políticos envolvidos em corrupção, não são bem tolerados dentro do Congresso

DA REDAÇÃO

O ex-governador de Mato Grosso, também ex-senador, Pedro Taques, avalia que o sistema político não tolera membros do judiciário que se arriscam a concorrer a cargos eletivos. Ele mesmo que foi Procurador da República, responsável por grandes prisões e operações envolvendo políticos, disse que se sentia isolado quando ocupou o Congresso Nacional.

"É lógico que tem a vingança do setor político porque o membro do Poder Judiciário nunca é tolerado. [...] Quando era senador, eu não era tolerado. Eu chegava, e os senadores se afastavam. Depois de algum tempo isso mudou, mas muitos ainda não toleram. Uns amam, e outros odeiam sem conhecer. Objetivamente é isso", disse Taques em entrevista ao site MidiaJur. Atualmente, Pedro Taques atua como advogado. 

A vingança, segundo Taques, se dá pela atuação do juiz ou promotor contra os próprios políticos. Ele lembra sua própria experiência, como senador e governador, para dizer que durante todo esse período jamais foi bem visto pelos grupos políticos que frequentava.

O texto do site ainda faz ligação com as cassações da ex-juíza Selma Arruda, que foi senadora, e do ex-procurador de Justiça que atuou na operação Lava Jato, Deltan Dallagnol.

Veja aqui a íntegra

 

 

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia

Rafael Q Antunes 25/07/2023

Sucateou estado , deixou dívidas , prejudicou alguns cargos no Governo não assinou aumento para os motoristas/profissional desenvolvimento econômico social os auxiliares ele vetou aumento de 85 servidores e dobrou o salário dos Policiais militares efetivo de 12 mil acho um tremendo demagogo nunca mais terá meu Voto independente do que ele concorrer,Pedro Taques tem muito discurso para pouca ações efetivas ou seja fala muito e age pouco .

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1