Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Fechou na Neblina Sábado, 10 de Junho de 2023, 08:39 - A | A

Sábado, 10 de Junho de 2023, 08h:39 - A | A

Tolerância zero

Forças policiais impedem invasão de fazenda e apreendem arsenal de armas de fogo em Cocalinho

Doze pessoas foram conduzidas à delegacia durante ação na tarde de quinta-feira (08.06)

Alecy Alves | Sesp-MT

Uma operação desencadeada na tarde desta quinta-feira (08.06), no município de Cocalinho (780 km de Cuiabá), impediu a invasão de uma fazenda e resultou na condução de 12 pessoas à delegacia, além da apreensão de um arsenal de armas de fogo e munições. A ação mobilizou policiais do 16°Batalhão de Água Boa e do Núcleo da Polícia Militar de Cocalinho.

Foram apreendidas quatro armas, sendo duas pistolas 380, uma carabina calibre 17HMR, uma espingarda 12, e 280 munições. Somente para as pistolas 380 havia 190 munições, conforme relato do comandante do 16° Batalhão da PM, tenente-coronel Gyancarlos Cabelho, que comandou a operação. Parte da munição ainda se encontrava dentro das embalagens originais de fábrica.

Conforme identificação preliminar realizada durante a ação, entre os conduzidos para a delegacia de Polícia de Água Boa estão dois policiais militares aposentados de Goiás. A Polícia Judiciária Civil está fazendo a qualificação de todos os conduzidos, incluindo sobre a propriedade das armas de fogo e as implicações criminais por porte ilegal.

Divulgação

cocalinho

 

Tolerância zero

O secretário de Estado de Segurança Pública, coronel César Roveri, ressaltou que as forças policiais atuam em conjunto, em todo o Estado, com rondas ostensivas, investigações, monitoramento e atividades de inteligência, com o objetivo de prevenir e reprimir as invasões.

"O governador Mauro Mendes já determinou tolerância zero contra o crime de esbulho possessório, que são as invasões de terras, e assim temos feito, agindo de forma rápida e eficaz para impedir esse tipo de crime em nosso Estado", afirmou.

Divulgação

cocalinho1

 

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia