Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Geral Quinta-feira, 22 de Junho de 2023, 11:29 - A | A

Quinta-feira, 22 de Junho de 2023, 11h:29 - A | A

TELEMEDICINA

SES lança novo programa Saúde Digital em evento para gestores municipais

Propósito do serviço é facilitar o acesso da população às avaliações de médicos especialistas e tornar a assistência básica mais resolutiva

Ana Lazarini | SES-MT

A Secretaria de Estado de Saúde de Mato Grosso (SES-MT) lançou oficialmente a nova plataforma Saúde Digital, na tarde desta quarta-feira (21.06), no auditório do Centro Universitário de Várzea Grande (Univag). O evento contou com a participação de trabalhadores da saúde, servidores públicos e gestores municipais.

A plataforma oferta teleconsultorias e teleconsultas entre o médico especialista, o paciente e o médico assistente das Unidades de Saúde da Família dos municípios, e conta com suporte diagnóstico e terapêutico. Serão atendidos pacientes que aguardam por consultas especializadas na fila de regulação.

De acordo com o superintendente de Atenção à Saúde da SES, Diógenes Marcondes, o serviço já está ativo no Estado e é integralmente disponibilizado pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“O governador Mauro Mendes e o secretário Gilberto Figueiredo estão dando todo o apoio necessário para que esse programa seja pioneiro no Brasil. E ele já é pioneiro porque Mato Grosso é o primeiro estado brasileiro a assumir a saúde digital e apoiar os municípios na implementação desta estratégia”, disse o gestor, durante evento de lançamento.

O propósito do projeto é facilitar o acesso da população às avaliações de médicos especialistas e tornar a assistência básica mais resolutiva. Como forma de otimizar o serviço ofertado pelo SUS, a plataforma de Saúde Digital oferece um ambulatório digital com especialidades clínicas como: endocrinologia, neurologia, neurologia pediátrica, pneumologia, cardiologia, psiquiatria e reumatologia.

“Esse é um sonho antigo e que parecia muito distante, mas que hoje é realidade. A experiência digital pode contribuir muito para o SUS, principalmente num Estado como Mato Grosso, que é tão amplo em território, onde as distâncias territoriais demandam o esforço de pacientes e muitos gastos para a gestão pública”, avaliou a secretária adjunta de Atenção Hospitalar e Complexo Regulador da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, Deisi Bocalon Maia.

Além da implementação do projeto em todo o Estado, a SES trabalha em um projeto piloto que será desenvolvido em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde de Várzea Grande. Para o secretário de saúde do município, Gonçalo de Barros, o programa soma credibilidade ao serviço que é ofertado pela Atenção Primária.

“Ficamos orgulhosos por Várzea Grande ser escolhida para esse plano piloto. Essa é uma plataforma que vai nos possibilitar agilizar a assistência aos cidadãos que tanto precisam da saúde pública e que clamam por melhorias. Por meio de iniciativas como essa, poderemos reestruturar e dar condições para que a população procure as unidades básicas”, acrescentou o gestor.

SES-MT

saude digital

 

Nova plataforma
Desde 2013 Mato Grosso conta com o serviço Telessaúde, que chegou a receber o prêmio WSIS Prizes, da Suíça, em 2019. Com o lançamento do novo projeto, o Telessaúde ganhou nova roupagem e passa a ser um dos ‘braços’ do programa de Saúde Digital.

A plataforma Saúde Digital amplia a oferta de serviços e agora conta com a parceria do Instituto Laura Fressato, que ofertará consultoria com médicos especialistas de Mato Grosso, e do Hospital Israelita Albert Einstein, que disponibilizará a sua própria equipe de especialistas.

A parceria com o Hospital Albert Einstein deve atender 25 municípios do Estado, sendo que o projeto já está em implantação em Várzea Grande e nos 19 municípios da Região Sul. Já a parceria com o Instituto Laura Fressatto deve ter a abrangência ampliada gradativamente para todos os 141 municípios do estado.

A SES ainda firmou uma parceria com o Univag, que também vai ofertar médicos especialistas da grade universitária para atendimento pelo ambulatório digital.

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia