Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather
Sexta-feira, 21 de Junho de 2024
facebook instagram youtube twitter whatsapp
Chapada dos Guimarães
icon-weather

Geral Segunda-feira, 21 de Agosto de 2023, 07:24 - A | A

Segunda-feira, 21 de Agosto de 2023, 07h:24 - A | A

DIÁLOGO

Botelho reúne com representantes de servidores para ouvir pauta de reivindicações para o biênio 23 e 24

Vamos apresentar essas solicitações e tenho certeza de que todos os deputados irão nos ajudar a aprovar

Da Redação

O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso – ALMT, deputado estadual Eduardo Botelho (União Brasil), esteve reunido com representantes dos sindicatos dos Fiscais de Tributos de Mato Grosso – Sindifisco e Associação dos Fiscais de Tributos estaduais de Mato Grosso na tarde desta sexta-feira (18), na sede do Sindifisco, no Centro Político Administrativo, em Cuiabá.

Durante o encontro o presidente da ALMT, recebeu reinvindicações relativas aos servidores públicos estaduais de todas as categorias. As pautas incluíram questões previdenciárias dos servidores públicos, no que diz respeito à aplicação da correção monetária na base de cálculos das contribuições previdenciárias; aposentadoria por incapacidade permanente; limitação de teto remuneratório do servidor público; também a questão da capacitação para melhor atender ao cidadão, foram assuntos da reunião.

Botelho ressaltou a importância da reunião e irá trabalhar para reverter as distorções existentes na Previdência. Agradeço a oportunidade de me reunir com as categorias dos servidores públicos do Estado e discutir questões tão importantes que impactam diretamente na vida das pessoas. Recebi as solicitações dos Sindicatos e Associação, vou levar ao conhecimento do executivo e me comprometo a apoiar as pautas de reivindicações. Hoje, se o servidor vem a morrer a pensão é maior do que o benefício de uma Invalidez onde ele fica inválido e vai estar necessitando de amparo pela família, vai estar dando mais despesa e, no entanto, ele tem um benefício menor, isso é uma injustiça, uma distorção e precisamos corrigir. Também vou levar para o Plenário a discussão do teto dos aposentados e pensionistas. Vamos apresentar essas mudanças e tenho certeza de que todos os deputados irão nos ajudar a aprovar”, afirmou o deputado.

Tchélo Figueiredo ! ALMT

reuniao

 

 

O presidente do Sindifisco, João José de Barros, que está à frente da instituição pelo 2° mandato destacou a importância do diálogo com o deputado Botelho. ‘”A gente está destacando aqui a importância dessa proximidade com o deputado Botelho de nos ouvir sobre demandas. Solicitações essas que não são exclusivas da categoria dos Fiscais de Tributos do Estado. São reivindicações de todos os servidores do estado de Mato Grosso e, além disso, eu gostaria de destacar que são demandas para corrigir distorções que foram aprovadas na época da Reforma da Previdência. Então são situações aí que não têm grande impacto e que devem corrigir essas distorções”, pontuou o presidente do Sindifisco.

O presidente da Associação dos Fiscais de Tributo, Flávio Emilio Rodrigues Auerswald, agradeceu Botelho pela boa receptividade em relação às reivindicações, frisando que são demandas dos servidores públicos de Mato Grosso, não uma solicitação específica de determinada categoria.

Também participou da reunião, Diany Dias, presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Sistema Agricola, Agrário e Pecuário do Estado de Mato Grosso – Sintap.

* Com assessoria

 

Entre no grupo do Alô Chapada no WhatsApp e receba notícias em tempo real 

Volte para capa do Alô Chapada

Comente esta notícia