Carregando...

Chapada dos Guimarães, Segunda-feira, 08 de Agosto de 2022
Alô Chapada
Chapada dos Guimarães, Segunda-feira, 08 de Agosto de 2022

Alô Chapada

Chapada dos Guimarães, Segunda-feira, 08 de Agosto de 2022

Alô Chapada

Chapada dos Guimarães, Segunda-feira, 08 de Agosto de 2022

Alô Chapada

Notícia

Chapada dos Guimarães e Guimarães, em Portugal, iniciam protocolo de colaboração

Alô Chapada - Chapada dos Guimarães e Guimarães, em Portugal, iniciam protocolo de colaboração

A aproximação entre os gestores das duas cidades foi consolidada com o apoio voluntário.


O município de Chapada dos Guimarães assinou um Protocolo de Colaboração e Amizade com o município de Guimarães, de Portugal.  O documento foi assinado pelo atual prefeito Osmar Froner, juntamente com Domingos Bragança, prefeito de Guimarães, lá de Portugal. 

A história conta que em 1.769, o governador da Capitania de Mato Grosso, Luis Pinto de Sousa Coutinho, denominou a então Missão Jesuítica de Santana do Sacramento de "Lugar de Guimarães", em homenagem a Guimarães, cidade origem de sua então futura esposa - a poeta Catarina de Lencastre. 

O protocolo é para firmar compromissos que devem ser cumpridos, como um extenso calendário de atividades. Além disso, a relação entre as duas cidades deve ser contínua até que seja conferido o certificado de Cidades Irmãs. Ele será avaliado e renovado anualmente, para o desenvolvimento econômico, social, cultural e ambiental.

Um calendário de atividades já está sendo programado visando o selo de Cidades Irmãs. Três programas estão previstos dentro do protocolo: O projeto Pegadas, voltado às ações socioambientais e educativas nas escolas; o programa de Desenvolvimento Socioemocional e Prevenção de Comportamentos de Risco (DROPI), destinado às crianças.

Para o próximo ano, no mês de março, Chapada dos Guimarães participará do renomado Festival Húmus – voltado à educação, cultura e literatura, na cidade de Guimarães, onde acontecerá uma conferência sobre história de Mato Grosso e Chapada dos Guimarães.

Para tanto, um concurso de poesias entre estudantes das escolas rurais será realizado, objetivando o gosto pela leitura e escrita, e valorização das escolas rurais. A vencedora do concurso terá participação garantida no evento em Portugal.

A aproximação entre os gestores das duas cidades foi consolidada com o apoio voluntário do Instituto de Estudos Socioculturais de Chapada dos (IESC). A representante do IESC, Maria Amélia, destaca que “as trocas de experiências recíprocas, conhecimentos e tecnologias nas mais diversificadas áreas, em muito vai contribuir com o desenvolvimento de Chapada dos Guimarães, com ênfase no fomento da educação, cultura e turismo”.


Foto de Mihis Alex no Pexels

Comentários
`

Conteúdos Relacionados